.

sexta-feira, 19 de fevereiro de 2016

3 documentários interessantes para estudantes de direito


Os documentários são uma boa fonte de conhecimento jurídico para estudantes e operadores de direito, pois os melhores relatam histórias vividas por pessoas reais e em situações mais próximas das quais o futuro profissional irá atuar em sua vida.

Embora os filmes e séries serem uma importante ferramenta de estudo e formação cultural, que proporcionam diferentes percepções de realidade e que entretêm com roteiros inteligentes e personagens cativantes, os documentários apresentam a “vida como ela é”, com pessoas não tão atraentes e motivos não tão complicados para a prática de crimes, na realidade, os delitos se resumem em vingança, sexo, poder e dinheiro.




Sem Pena

Excepcional documentário que cita a velocidade que cresce a população carcerária nos presídios do Brasil e retrata a realidade do sistema penitenciário brasileiro, com suas limitações, preconceitos, desafios, morosidade e cultura do medo.

O documentário aponta também o abismo social existente no país e como isso afeta, principalmente, determinadas classes sociais, que são mais afetadas pela burocracia do judiciário. “Sem Pena” conta com depoimentos de detentos, ex-presidiários, magistrados, promotores, psicólogo, antropólogo, sociólogo, advogados e funcionários do sistema penal, a fim de promover um debate e fazer com que o telespectador pense ativamente sobre o assunto.

Sem Pena – Sem dó ou sem condenação, qual a sua opinião?





Justiça

Este documentário mostra o dia-a-dia do Judiciário Brasileiro, mais especificamente das varas criminais do Rio de Janeiro, assim como a atuação dos profissionais desta área, como juízes, promotores e defensores públicos, evidenciando a burocracia desse cotidiano. Retrata também a vida dos réus e seus familiares, tendo por objetivo mostrar a dura realidade da estrutura prisional carcerária, que aprisiona em terríveis condições, não se preocupando com o retorno dos indivíduos à sociedade.

Outro ponto a ser ressaltado é em relação à crítica do documentário: existe igualdade no sistema penal ou isso é um mero princípio constitucional?




Apesar de você – Os Caminhos da Justiça

Este documentário retrata a luta jurídica no Brasil contra a impunidade dos torturadores do regime militar de 1964. Com o objetivo de defender a cidadania e combater a prática da tortura e tratamentos degradantes, discute os fatos ocorridos da época e luta pela responsabilização dos torturadores.

É Assinado por pela OAB – Ordem dos Advogados do Brasil, Comissão Justiça e Paz da Arquidiocese de São Paulo, Associação Juízes para a Democracia, Grupo Tortura Nunca Mais-SP, Comissão de Familiares de Mortos e Desaparecidos Políticos, Associação dos Magistrados do Brasil, União Nacional dos Estudantes e pelo projeto Memórias Reveladas do Arquivo Nacional.


Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

0 comentários :

Postar um comentário

Total de visualizações

Copyright © A Personalidade Jurídica ⚖ | Traduzido Por: Mais Template

Design by Anders Noren | Blogger Theme by NewBloggerThemes